O Filhote no novo lar

Ao adquirir um filhote de YORKSHIRE você deve se preparar para recebe-lo.

Um enxoval deve ser providenciado, tais como: cama, coberta, banheirinha, brinquedos, ração, comedouro, bebedouro, pente metálico, escova com cerdas metálicas, tesoura sem ponta do tipo escolar, água boricada para limpeza de secreção do canto dos olhos, entre outros produtos e utensílios próprios para cães.

Quanto as caminhas, existem inúmeras opções a respeito, com preços variados, mas o que se deve ter em mente é que o YORK gosta mesmo é de cama fofinha. É necessário que o cãozinho tenha seu cantinho, ou seja, um local onde possa dormir quando desejar.

   
         
  

Há quem goste de colocar em seu YORK roupinhas, existindo grande variedade delas em Pet Shop. Nossos cães no frio são agasalhados com cobertas e assim procedemos porque muitas vezes a roupinha acaba contribuindo para a formação de nós.

Desde a tenra idade seu cachorrinho deve ter uma alimentação balanceada à base de ração de ótima qualidade sendo isso importante para a saúde dele e responsável pela beleza da pelagem durante sua existência

Cada cãozinho deve ter seu comedouro e bebedouro, sendo de se ressaltar que desaconselhamos como criadores comedouro conjunto a bebedouro e isso porque ao beber água o filhote poderá deixar cair algumas de suas gotas na ração que com isso pode vir a estragar-se.

Os filhotes devem ser ensinados a beber água o mais cedo possível e ter acesso a uma vasilha contendo água fresca e pura.

Muito utilizada para o corte dos pelos, seja na tosa higiênica seja entre os dedinhos, e a tesoura sem ponta de tipo escolar.

Com algodão embebido em água boricada é removida a secreção que pode surgir no canto dos olhinhos.

A melhor escova para ser utilizada em um YORK é a de cerdas metálicas, uma vez que a de nylon danifica os pêlos. Também se usa o pente metálico principalmente nos pêlos dos bigodes e ao redor dos olhos.

                     

Sua imaginação pode levar a confeccionar os mais lindos lacinhos em formato e cores que, prendem o topete, tão característico dessa raça e que completa a elegância. Também se utiliza pequenos elásticos ou xuxinhas.

         

Se a família que vai receber o YORK tem por costume viajar o bom mesmo é providenciar uma bolsa de transporte ou mesmo uma caixa de viagem.

             
 

A primeira providência a tomar quando um filhote chega em casa, e isso ocorre em geral quando ele tem 60 dias, é vermifugá-lo. Como criadores aconselhamos que o novo proprietário o leve ao veterinário de sua confiança.

A vermifugação é feita em três doses: a primeira quando o cãozinho completa 30 dias de idade, a segunda aos 45 e a terceira aos 60 dias. A vacinação é extremamente importante. A vacina V8 serve para prevenir a Cinomose, Coronavirose, Hepatite, Parvovirose, Leptospirose, Adenovirus, Canícula, Icterohemorragia e Parainfluenza.

Vacinamos nossos filhotes quando completam 60 dias com reforços aos 3 e 4 meses , e posteriormente com uma única dose de vacina anualmente.

A vacina contra Tosse dos Canis é dado quando o cãozinho completa os 2 meses, havendo reforço aos 3 meses.

Pode-se ainda dar a vacina contra Giardíase aos 2 meses, com repetição anual.

O YORKSHIRE embora pequeno, é forte e resistente, amoroso e destemido.

Chegando ao novo lar e passando a fazer parte de uma família logo saberá todos os movimentos de cada membro da casa. Na verdade não é cão de um único dono, uma vez que apega-se a todos. Mas não é indicado para crianças com menos de 8 anos de idade e isso porque elas gostam de pegar o filhote no colo e brincar a todo momento. Isso pode fazer com que o YORK venha a cair podendo acarretar-lhe um dano irreparável.

Mas a medida que vai se adaptando a rotina dos integrantes da família com quem passa a conviver e justamente por apresentar um temperamento dominante passará a testar seus donos para descobrir suas fraquezas  antes que as suas sejam testadas. Como se sabe é da natureza de todo o cão viver em matilha onde só tem um líder, isso faz com que ele chegando ao novo lar procure o líder da família em que viverá.

E tendo em conta de que de seis meses até um ano e meio de idade o cão disputa a liderança dentro da matilha, o mesmo ocorrerá na convivência com sua nova família, na verdade ele tentará demonstrar que é mais forte do que o dono  e isso ele poderá demonstrar rosnando quando de alguma forma é contrariado, como por exemplo, tentará impedir que o dono mexa em algo.

Se isso acontecer segundo explicam os adestradores, basta então que o dono levante-o no colo, sacuda-o levemente e diga o o comando "NÃO". Ao ser tirado do chão também é tirada sua estabilidade e ele então se sentira mais fraco. Desse modo ele acabará entendendo que essa pessoa é mais forte e portanto  o líder da família.

É importante que tal situação não seja ignorada pelo novo dono, caso contrário ele perderá o controle sobre o animal.

Assim aos poucos ele deve ser educado iniciando-se os ensinamentos com questões de higiene e obediência.

Um filhote que tem acesso ao jardim logo se torna limpo por sua própria natureza e isso porque os cãezinhos tem instinto de higiene bastante aguçado. Eles seguem algumas regras quando escolhem o local para fazer suas necessidades. E assim para ensina-lo a fazer no local desejado o melhor mesmo é entender sua natureza e preparar o ambiente para recebê-lo.

O cãozinho procura um local afastado de sua comida da água e de sua cama para poder fazer suas necessidades. Esse local deve estar sempre limpo e ser bem absorvente para que o xixi suma de forma rápida. Se a casa não possuir um jardim aconselha-se o uso de folhas de jornais ou mesmo tapetes higiênicos.

De manhã ao acordar, a noite ao se recolher e após cada refeição deve ser levado ao local escolhido pelo dono. Isso visa habituá-lo com o local, seja o jardim, seja jornal ou tapete higiênico.

Se o cãozinho apresentar hábitos pouco higiênicos pode significar que suas tendências naturais foram tolhidas por repressão ou por negligencia do próprio dono. Desde a tenra idade o cachorrinho é capaz de entender algumas coisas, no entanto as práticas grosseiras como por exemplo esfregar seu nariz na urina feita em em local impróprio poderá transforma-lo num cãozinho tímido.

Ao término cabe salientar que o dono é responsável pela boa educação. É preciso tempo e paciência para educar seu YORK, no entanto é mais gratificante que ele seja obediente do que uma coisinha estragada.